03/01/2012

Você é tudo o que eu preciso


É bem mais simples do que muitos pensam. Você observa a pessoa de longe, olha nos olhos, e pronto, se apaixona. Já me vi nesta situação incontáveis vezes ao longo dos anos, me interessando por todo o tipo de mulher, principalmente aquelas que me davam atenção fora do comum. As garçonetes eram minhas preferidas. Meu coração é fraco, bem sei. 

Quando me perguntam: Como você se apaixona assim tão fácil? Bom, a resposta é simples: 

- Não sei. 

Talvez seja um olhar, uma carícia ou um gesto. Talvez por admitir ser fraco e não querer mais viver sozinho. Não há uma explicação exata para esse tipo de sentimento. Na verdade,  ele chega sem avisar, e, do nada, toma conta do seu interior. A única certeza que tenho dele é que merece ser vivido. E muito bem vivido. 

Quando a paixão toma o coração por completo é quando a coisa fica séria. A saliva acaba, os batimentos cardíacos aceleram, os poros inundam-se de água. A voz treme, o rosto adquire um tom avermelhado e as pernas não te dão mais sustento. 

Então você percebe que toda a vida esperou por esse instante. Então você percebe o quanto as outras paixões eram levianas. Então, finalmente, percebe que o outro era tudo o que precisava, mas não sabia.

Texto inspirado em escritos de Caio Fernando Abreu.
------------------------
Bom gente, feliz estou eu em mais um ano. No dia 31/11 o blog completou 3 anos de vida. O motivo de eu postar somente hoje é obvio: faltava inspiração e quero aproveitar ao máximo minhas férias, então estou me entupindo de séries.
Queria agradecer as pessoas que leem meus textos constantemente. Bom, é fato que escrevo pra mim mesmo, mas confesso que fico bastante feliz em compartilhar meus pensamentos com vocês. De verdade, obrigado por tudo.

6 comentários:

Debbys disse...

Uhul,3 anos! Parabéns pra vc e para o blog né! Eu curto muito seus textos, acho que escreve bem pra caramba e deve continuar assim! Mais e mais anos de blog no ar!
bjus e feliz 2012!

Allan Penteado disse...

parabéns pelo três anos James!!! não consegui não rir com o texto, é a história de uma pessoa bem carente!

Igor Moraes disse...

Como disse o Allan, o texto revela uma pessoa carente. Mas mesmo assim é intrigante, porque cada um lida com isso a seu modo.

Eu me considero carente (embora muitos dos meus amigos digam que sou autossuficiente), mas também não sonho com um grande amor e não me apaixono por qualquer garçonete que me sirva. Hahah! =~~

_____

Parabéns pelos 3 anos de blog. ^^'

Pegadas do Coração disse...

Parabéns por seus 3 anos de sucesso James!Acho que todo mundo sente um pouco de carência,alguns pra mais, outros pra menos. Nada que um grande amor não resolva a situação.Digo isso, porque Deus me deu uma grande mulher, um grande amor.

Abraço!

P.S.Cuidado com as garçonetes, porque existe algumas que são bem perigosas!Kkkk...

Feliz 2012!

Allan Penteado disse...

kkkk cuidado com as garçonetes, foi a melhor Ataniel rsrsrs

Lucas Reis disse...

Fico feliz por não ser o único a se apaixonar a primeira vista. Pra mim, só é preciso dizer um "Por favor" ou um "Muito obrigado" pra eu já me ver morrendo de amores.

Curti (y)

Parabéns pelos 3 anos do blog. E, não sei se vc mudou há muito tempo, mas gostei do novo layout.

Até mais.

Lucas Reis