07/02/2011

A verdade sobre o Big Brother Brasil

Vejo por aí muita gente criticando esse reality show. Alguns falam que é o pior da programação brasileira, outros que é um espetáculo de circo com alguns palhaços com corpos sarados. Mas o que ninguém pensa é: Por que existe esse programa? Afinal, se ele está em sua 11ª edição, com certeza não foi por falta de audiência!

Hoje, a participante Paulinha finalmente disse algo que se pôde aproveitar. Segundo própria afirmação da sister, "Eu faço o que os outros têm vontade de fazer e não fazem", e é exatamente nesse ponto que a fama do programa se sustenta.


Não sei muito bem de como são escolhidos os participantes, mas é obvio que, mesmo eles tomando certas atitudes ou dizendo certas bobagens, é tudo o que uma pessoa ‘normal’ queria fazer e/ou dizer, mas que não tomou coragem ainda. Os bbb’s são na realidade o reflexo da sociedade exatamente do jeito que ela é.

Não posso afirmar isso com tanta certeza, mas aposto que você conhece alguém que adoraria manter relações com alguém do mesmo sexo. Ou protagonizar um beijo triplo. Ou gritar pros quatros ventos: 'Eu sou gay!'. Talvez passar a mão na bunda da melhor amiga. É duro ver no outro aquilo que queríamos fazer não é?

Feio ou não, escandaloso ou não, diabólico ou não, o Big Brother Brasil só é do jeito que é porque as pessoas são assim. Não fiz esse post pra aumentar audiência ou defende-lo, pelo contrário. Mas enquanto as pessoas continuarem a viver no modo que a igreja fala ser perversidade, o programa continuará sendo o que é, você gostando ou não. E ponto final!

20 comentários:

Jamylle Carvalho disse...

Concordo plenamente, principalmente quando você disse que é duro ver no outro aquilo que queríamos fazer.
Pior é que sempre aumenta a audiência e vai continuar assim, e a maioria das pessoas vai continuar sem se perguntar por que existe o programa.
Muito bom.

http://do-amago.blogspot.com

Déia disse...

Tb acho isso!

Aquilo é a verdade nua e crua!

bj

Thaís A. disse...

Ah, concordo! Sabe o que eu descobri hoje? Que esse programa, no Brasil, foi o que fez mais sucesso de todos os outros países que também "compraram" a idéia. Pois é, a nossa cultura.

Italo Stauffenberg disse...

odeio esse bbb

o pior de todos!

aff, um lixo!

sem hipocrisias, mas é um lixo!

Yasmin Kuhnert disse...

Eu critico certas atitudes do programa, mas nã tenho nada contra. As pessoas criticam justamente por esse motivo que você falou. Vontade de fazer e não tem coragem. O programa só tem pecado na escolha dos participantes. Seria muito mais interessante se escolhessem pessoas normais, mas normais mesmo. Gays, médicos, dona-de-casa, vendedor de loja, e não aquela coisa, modelo-atriz-dançarino-produtor-de-festa, etc. Seria legal ver pessoas mais reais, menos estereotipadas. enfim, concordo com você;

Esaú Maia disse...

E isso tem te ajudado a ser melhor? Ou apenas te dá vontade de ser como eles? Pense nisso!

Allan Penteado disse...

acho que o programa só tem boa audiência mesmo por falta de opção, nós somos sim obrigados a assistir essas coisas, sabe de uma coisa discordo de você quando fala que o programa é muitas vezes odiado por isso [das pessoas quiserem fazer e não podem], tenho como exemplo A Fazenda que é um reality do tipo e tem bem menos [quase nenhuma] depravação. Mas os nossos olhos estão condicionados a ver o que é mal, a se "acostumar" com o errado da sociedade e isso não nos deixa escandalizados quando vemos essas safadezas! Eu já assisti edições anteriores e definitivamente essa é sim a pior, a mais depravada e a que mais falta com respeito pelas famílias, tudo em nome da audiência.

mari. disse...

Sinceramente eu não acredito que algumas pessoas não gostem de BBB porque é feio ou escandaloso, mas porque não há o que gostar. Eu, particularmente, não dou a mínima. Entenda bem, tô longe de odiar aquilo, mas não faço do programa o motivo de minha sobrevivência. Não há nada de 'normal' ali. Como futura publicitária, devo admitir que o programa é genial, atrai o público, lucra, enfim... Mas como uma pessoa qualquer, não vejo a mínima graça, jamais perderei meu tempo votando em playboy e puta. E isso não me torna mais 'culta', gente medíocre é que acha que assistir BBB é sinônimo de burrice.
Enfim...

=)

Welbert de Sousa Queiroz disse...

No fundo... ou no raso...

Todos querem uns 15 minutinhos de fama néh?

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk...

É um otimo programa de humor vamos combinar...

relaxa legal!! (BBB Urruu...)

Erica Ferro disse...

Não me interessa ver o que de mais podre há no ser humano em um programa de TV, sabe, Jota?
Acho que na TV deveriam passar coisas "aproveitáveis", que de algum modo nos ajudasse a evoluir, a adquirir conhecimento e senso crítico. Tais programas não acrescentam em nada na nossa vida.
Não tenho o mínimo de paciência pra ver BBB. Não tenho saco pra tanta besteira, tanta conversa fiada; já me basta ter que aturar as pessoas da "vida real", hahahaha.

Keh*** disse...

Muito obrigada Jota!
Só fui sincera!
Aii, vlw!
Já atualizei o perfil!rsss

Keh*** disse...

Bom, referente a casa mais famosa do Brasil...
Sou alguém desencanada, se a pessoa acha certo sair com alguém do mesmo sexo, beijo triplo, trocar mais de namo do que de roupa, e ser celebrity por mostrar silicones, ops, quero dizer, seios e bumubum, beleza, cada um sabe e faz o que quer.
O que me deixa indignada é que já ocorreu de 64milhões de ligações para votar nos 'emparedados', cada ligação custa 0,30 o minuto+impostos, ou seja, mais de 19milhões de reais em ligações,e o criança esperança arrecada em torno de 10 milhões de doações a PESSOAS QUE PRECISAM, no maior sufoco.
Aliás eu fico mais que indignada, fico envergonhada ao ver como nosso povo liga mais pra carnaval e BBB do que algo de mais cultura ou solidariedade.

Raquel Oliveiira disse...

A verdade é: não assisto BBB e nem tneho vontade de assistir!!! essa é a minha opinião.. Mas como vejo passar as "propagandas" posso dizer a minha opinião.. hehehhe.. Concordo em partes com vc quando diz: que é a realidade! Sim é a realidade, mas poderiam escolher pessoas diferentes, porque existe siim....

E como comentarão aqui: todo mundo queer 15 minutinhos de fama.. Hehehehe...

Seguindo!!! e sempre irei passar por aqui!

@philipsouza disse...

Concordo com vc, se não tivesse nos para assistirmos não seria assim, alias, seria, uma vez que mostra a sociedade brasileira nua e crua, como ninguem nunca ver.. mas existe ou simplesmente pela questão de valores ignoram...

abraçao

Tiêgo R. Alencar disse...

O BBB consegue ser irresistível. É presente em todas as rodinhas de conversa, no domingo em família. Simplesmente nossa TV chegou ao ponto de um reality show superar todos os outros programas de TV, contendo programas tão ou mais interessantes quanto. Sou fanático pelo BBB, desde o do Bambam - isso me lembra um certo blogueiro. hahahahahah

Abraço :) Excelente post, James!

Anônimo disse...

na verdade também acho isso se não podemos mudar o realyt mas podemos mudar a nós mesmo,e as coisas e pessoas só vão começar a mudar apartir de nós

Fabi Celso disse...

concordo plenamente e nao gostei da forma como o diogo trata as pessoas.
bjs

Rafael R F disse...

De uma forma geral o seu ponto de vista é muito válido e chega até ser compreensível. O legal é que ele só está no ar por causa dos patrocinadores que ainda acreditam ser algo bom, não mais pela idéia central do início, lembra? (ver o povo igual VC em seus 15 minutos...) ELe já foi legal por mostrar a realidade, agora ele mostra o que você acha ser real, ou seja, ele mostra o que ninguém faz e coloca na sua cabeça que aquilo é normal ou que todos querem fazer igual, até pPQ colocar uma pessoa que fala 'tauba' ja foi, e os donos não querem 'copiar' o passado, só restou manipular a mente das pessoas dizendo que beijo triplo é normal e coisas mais, então se o manipulador fala, v6 acreditam... Não se iluda, se tudo isso fosse realmente o que queríamos nós faríamos. Isso é o que eles querem que pensamos. Afinal somos ou não um povo livre? [só para pensar mesmo]

Debbys disse...

Eu não sei se é exatamente o reflexo da sociedade, pelo menos depois que eles pararam de pegar pessoas "normais", tipo, Cida, Agostinho... mas claro que mostra comportamentos comuns... a gente pode não ver isso td dia, mas q tem gente q faz, tem...
bjssss

little Tay disse...

Realmente o que acontece no BBB são os extremos da sociedade, mas não acho que é por isso que as pessoas assistem-o. Acho que elas fazem isso porque acham que manipulam as pessoas lá dentro, quando na verdade são manipuladas.
Beijos.