04/07/2010

ISSO SIM É SER BRASILEIRO!

A copa para o Brasil pode ter acabado, mas a cultura do nosso país continua rica e agradando quem passa ou vive por aqui. No mês de Junho, principalmente no nordeste brasileiro, as festas juninas são o ponto de encontro para quem procura o tempero das comidas típicas, a graça de um casamento na roça e a distração de uma dança de quadrilha. Para muitos isso bastava. Mas o evento fica ainda mais agradável quando se tem uma motivação além daquilo que já é de praxe. Foi o que aconteceu ontem, 03/07, no arraiá do grupo de oração Jocri – Jovens Cristãos de Imperatriz.

Festa animada. Dezenas de pessoas lotaram todas as mesas que estavam em baixo de bandeiras verdes e amarelas, estendidas de um lado a outro no pátio do Colégio Estadual Urbano Rocha. A falta de luz no meio do evento não foi suficiente para apagar do coração dos organizadores o verdadeiro motivo do arraiá: arrecadar fundos para ajudar um dos membros que sofreu inúmeras enfermidades após fazer um transplante de rins. Sarah Greiner, 19 anos, estudante de enfermagem pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA), tinha o seu nome estampado em um grande mural, e, mesmo não estando presente, foi o centro das atenções durante toda a noite.

Duas danças foram apresentadas. Uma pelos catequizandos da igreja a qual o grupo pertence e a outra pelos próprios membros. Como é comum no nordeste, o casamento da roça foi uma mistura de improviso e um bom diálogo do roteiro principal com os últimos acontecimentos do mundial de futebol. Gargalhadas soavam e os olhares do público permaneciam atentos. Benção do padre e fim do casamento. Um quadro com uma foto  representativa de Jesus Cristo veio  sendo carregada e um momento de reflexão se inicia antes da dança, afinal, “festejar cum Jesus é muto mar mió”.

Passada toda a introdução, finalmente os passos desajeitados e comuns são revelados ao público ansioso pela apresentação. Cai chapéu aqui, palmas sincronizadas ali, vestidos balançando ao vento e todos caem no ritmo do animado hit católico em ritmo de forró pé de serra. A turma se despede dando adeus para as pessoas que se dispuseram a ajudar o grupo a ajudar alguém. E nesse ciclo a vida vai seguindo. De forró em forró, de quadrilha em quadrilha, de copa em copa, entre orações e promessas a Deus, a solidariedade e o amor ao próximo se mostram o verdadeiro motivo para uma pessoa bater no peito e gritar: eu sou brasileiro!


Parabéns a você que leu o texto até o final *----*
Bom, consegui o primeiro lugar no @blorkutando dessa semana com o post anterior. Agora vou esperar pelo palavras mil. Confesso que o BK foi muito simples com esse tema, ainda nem tive uma ideia. Vou participar assiduamente desses dois projeto. Enfim, é isso. Até<3

18 comentários:

Mari E. disse...

É verdade! A copa pode representar muita coisa para nós, mas mesmo ela tendo acabado para a gente, a nossa cultura e festas continuam, e não podemos ser patriotas só durante a copa do mundo!
Amei o blog, bjoo!

Saraiva ® disse...

Melhor blog sem duvida a cultura brasileira me fascina .
Abraço, irmao *

Chica disse...

Ainda bem que o resto não para.Não podemos parar se o futebol estaciona! abraçaõ,tudo de bom,chica

Tânia disse...

Até poorque seremos SEMPRE brasileiros, ganhando ou perdendo. *------------*
Beeijos.

Alexandre disse...

Parabéns e continue a praticar o saudável exercício da vivência

Nathy disse...

Adoro festa junina!

Debbys disse...

ah, queria ter ido em alguma festa junina, mas na minha facul nem rola essas coisinhas.... enfim, li até o final!! kakakaka..
e parabéns pelo primeiro lugar!! xD
bjuss

Bruna Bianconi disse...

Falou tudo, é claro que a copa se tornou parte de nós brasileiros, somos o país com mais vitória, somos penta poxa.
Mas o Brasil não acaba com a eliminação desse ano, somos MAIS do que só a copa.

Beijos e parabéns pelo BK

Janaina Barreto disse...

Acho que este ano os festivais regionais, juninos ficaram meio de lado. Durante a copa fica todo mundo concentrado no futebol ¬¬'

@juusep disse...

Brasileiro é ser belo! É isso ai!
Beijo ;*

Felipe disse...

Tem coisa melhor que ser brasileiro?
Imagino como é linda e bom ess ação de juntar a festividades e a solidariedade.
Ajudar as pessoas em todos os momentos é preciso.

Erica Ferro disse...

Adooooro São João, principalmente pelas comidas típicas, rs.

Deve ter sido uma bela festa, e o melhor: com um intuito nobre.

Beijo.

Thaís disse...

Festas juninas são tão legais, aqui na minha cidade tem várias durante o mês de Junho e de Julho também! Imagino o quanto deve ser legal as festas juninas do norte do país. *---*

Clara disse...

Eu li até o final *-*

Bem legal a iniciativa! Linda!!!
E ainda bem que você não colocaram Rebolation na quadrilha!!!!!!!!!! rss

bjooooooss

Stéphanie Lopes disse...

orgulho de ser brasileira *---*
adoro festa junina heuehue
shoow
pod seguir ?

beijos

Clara disse...

ah sim, fiquei uns 10 segundos até reconhecer que esse era seu blog! rss

xD

Juliana disse...

Muito legal, adorei o texto.

Estou seguindo.

Beijos

Visita meu blog ;)

Alanna disse...

Jamessssss amei o texto
fikou perfeito..
mto lindo sua visão..
beijos continue assim..
alanna