07/05/2011

Cantores pop Vs Igreja: quem está certo afinal?


Mais uma vez chocando o mundo com suas polêmicas, vazou na internet o clip Judas, nova música da Lady Gaga. Durante todas as cenas fica claramente visível a preocupação da cantora em fazer com que o traidor receba o mesmo mérito que Jesus – ser coroado como rei. Mesmo a cantora afirmando que respeita todas as crenças, não há como negar a apologia anticristã contida no vídeo.

Não longe dessa realidade, Christian Chaves, em parceria com Anahi Puentes, lançou o clip Libertad. Já na cena inicial uma crítica ao cristianismo é categoricamente interpretada pelo cantor, sem se preocupar com possíveis blasfêmias aos costumes da Igreja.

Ambos abusaram do seu poder de influência para lançar sobre público uma ideologia "escondida" atrás dos muros da remixagem. Pode parecer até algo insignificante, mas a crítica contra os princípios religiosos estão ali, escancarados, sem que ninguém possa interferir em nada.

Seguindo esse raciocínio, se a Igreja por ventura fizer alguma apologia contra os homossexuais por exemplo, logo é acusada de homofóbica, e inúmeros processos são levantados para fazê-la mudar de conduta. Porém, quando o direito dessa instituição é ferido, nada se faz contra.

Se a liberdade de expressão é um direito de todos, então a Igreja pode livremente se levantar contra algo que foge a sua doutrina, sem resistência da oposição. Até podem argumentar que ela foi responsável por inúmeros estragos na sociedade, mas, se realmente isso for verdadeiro, os papéis hoje estão se invertendo, e o caçador está fazendo o papel de caça.

Mas afinal, quem é o verdadeiro vilão?

Assista aos clips:



3 comentários:

Tiêgo R. Alencar disse...

Pra mim não existe vilão nenhum nessa história, o povo quer é causar e tá conseguindo isso de um jeito que eu não acho muito certo que é dando um up nessas paradas de religião nos clipes e letras de músicas, mas em tempos de hoje vale tudo pra se manter no topo. Até mesmo dizer que ama Judas e que a liberdade vale mais do que qualquer outra coisa.

PS: O CLIPE DO CRISTIAN É BIZARRO. E o Jesus Cristo da Gaga é uma delícia, risos

Amei a pauta! Até mais, James!

Allan Penteado disse...

eles se apegam a tudo para se promover. tenho percebido que hoje em dia há uma luta muito grande entre igreja e a influência que vai ao contrário dos princípios do criador. pois somos todos criados por Deus.

gaga e christian têm um lugar reservado.

só isso a dizer.

Wilian Bincoleto Wenzel disse...

Eu sinceramente nem assisti aos vídeos. Não pra desmerecer o que você disse, mas, simplismente para não perder o meu tempo vendo alguns personagenzinhos globais, com vozes e songs repetitivas. O que eu mais acho cômico é a nossa
sociedade 'engolindo' esse tipo de conteúdo.

Bom tema para se abordar, James.
Fique na paz de Deus.