10/10/2010

O Tempo Da Segunda Chance Está Acabando

Fonte da foto
- Há quanto tempo você não se sente feliz? Perguntou ele com um sorriso forçado e estômago frio.

- Desde que você partiu

- E agora que voltei, como se sente?

- Vazia, fraca e sem vida

- Posso fazer algo pra mudar isso?

- Só se o seu coração mandar!

- E se não for o certo?

- Ao menos terá sua consciência limpa.

- E você, voltará a ser feliz?

- Depende de quando você tomar essa decisão. O tempo da segunda chance está acabando.

Bom, um diálogo básico para tirar o peso do blog. Espero que gostem, especialmente porque não sou bom nisso. No mais, até!!

25 comentários:

Jéssica Trabuco disse...

Tem pessoas que acham que podem demorar o tempo que quiser e quem a ama estará lá ainda.. esperando-o.

www.musicpoesiaeblablabla.blogspot.com
www.daquiloquenaofalam.blogspot.com

Lucas Rolim (: disse...

é... isso tbm se aplica a nós com relação a Deus (se é que essa já num é a intenção do diálogo ^^):
A nossa segunda chance está acabando...

Valeu bambam (^^), grande escritor... botou pra refletir mesmo...

@juusep disse...

Esses dialogos, tocam... Bem no fundo!
Lindo. O tempo esgota e nada é feito. :\

Marcio Nicolau disse...

Cheguei ao teu blogue agora e o que tenho a dizer a respeito deste texto é que eu acho que você é bom nisso, sim. O diálogo é asfixiante, as personagens estão presas, irremediavelmente. Fique imaginando o enredo, gostei bastante.

Naty Araújo disse...

Nooossa... esse layout ficou bom demais.
Me fala como coloco seu nome embaixo.
Ficou bom por demais.

Gostei do texto também.
Falei que passaria por aqui e nem passei, né?
Mas demorei pra atualizar meu blog.
Desculpe.

Abraços

Clara disse...

Senti uma contradição de "o que seu coração mandar" com "o tempo está acabando". Acho que a pessoa estava querendo fazer pressão sem fazer pressão, rs

Bem, o amor é contraditório. E você é bom em diálogos! :)

Andressa P. Cruz disse...

Amei *-*

Gabriela Furtado disse...

É bem verdade que o coração tem pressa e não sabe esperar...
adorei teu blog e a visita no meu cantinho
um beijo

Allan Penteado disse...

gostei...

Rosana Barros disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Rosana Barros disse...

Muito bom. Texto claro, pequeno e intenso. Abraços

Rosana Barros disse...

Deixando meu email - rosfeba@hotmail.com

Abraços

Rafael disse...

Ah, eu gosto de diálogos, legal....
Abraço

Eraldo Paulino disse...

Uau! Que diálogo, ein?

Tem pessoas que acham que afelicidade tem obrigação de chegar, né?

Bjs de quem gostou daqui!

Italo Stauffenberg disse...

tirar o peso do blog?

bom diálogo! Abraço James!

Deus te abençoe.

Andressa P. Cruz disse...

Eu tenho atualizado tah u.u
husahushahsa
=*

Debbys disse...

ah, eu gostei, achei mt bom! e o blog de kra nova de novo!! gostei! ^^
bjsss

Ana Seerig disse...

Poucas palavras que dizem muito.
Gostei.
=)

E sobre teu último comentário lá no blog: não te preocupa, nem eu entendi o que escrevi. Apenas uma sequência louca que me ocorreu num instante de irreflexão...

Vanessa disse...

Amei seu blog em primeiro lugar! Vc tem muito talento.
Sigo com prazer...
Passa no meu se puder ;)
http://ameninaqueroubavaasimesma.blogspot.com

Janaina Barreto disse...

Adoro segundas chances... terceiras, quartas. rs
Se tem mesmo amor, tem que haver 2ª chance. :)

Au disse...

"O tempo da segunda chance está acabando".

Tenho certeza que já havia entrado aqui, inclusive já tinha lido o texto, não entendi por que não comentei.

E o texto está muito bom, você é bom nos diálogos. :]
Gosto de frases de impacto como as citadas "Desde quando você partiu".


Abraço!

Vi e Ouvi Por Ai disse...

No meu caso nem existe mais esse tempo de segunda chance rssss...

Gostei!!!!

Desculpa a ausência aqui do seu cantinho, pois fiquei um pouco sumida devido a falta de tempo e depois o feriadão que estive longe da net... mas estou de volta!!! =D

Grande beijo e ótimo final de semana!!

Vivian

Tânia disse...

aah, James .. voce é bom em tudo que faz *--*
E nas palavras, voce arrebenta.
beeijos.

Heitor Lima disse...

Nossa, quanto comentário! Mas você e esse post mereceram. Muito bom mesmo, mano!
E sobre a música da Fernanda, ela não é nova. Tipo, é do Cura-me, de 2008.
Abração, cara! :D

H. Steiner' disse...

Hm, legal o blog :D
Vou acompanhar \o