16/01/2010

Acertos Daquele Que Errou!



Como uma forte espada, a razão sobreveio subitamente como um acender de luz e separou-me das amarras prendidas a você. Residia em mim uma perigosa enfermidade, eu já não era o mesmo homem de antes, os meus amigos se foram, fui demitido do jornal  e uma desgraça atrás da outra conteceu depois que nos casamos. O nosso amor fizera parte das minhas mais belas lembranças, mas ultimamente lembro-me de você como o pior dos meus pesadelos.

Errei em ter aceitado esse casamento. Errei em não ter dado ouvidos aos meus pais quando me falavam que você não era a mulher que eles sonharam para ser sua nora, errei quando não ouvi os meus amigos me dizendo que eu ainda era muito jovem pra entrar num relacionamento desses. Mas eu estava cego. Em minha mente somente via os seus cabelos cor-de-mel exalando cheiro de flores, seus olhos avelã brilhando ao encontrar os meus, realçados pelo seu sorriso largo, aquele que eu adorava... eu estava cego, atraído pelo canto a sereia entoado pelo seu modo de ser.

Descobri que no teatro da vida, temos que ser protagonistas do nosso próprio script. Por muito tempo deixei você me controlar, mas hoje, sou um homem independente. Aquele homem que você desprezava hoje te retribui a moeda da qual você pagou todos os meus sofrimentos. Aprenda você também com seu erro e lembre-se: Aquilo que plantamos é o que colhemos e nunca faça com a outra pessoa aquilo que você nunca gostaria que a fizessem. Espero que você aprenda, assim como eu, que o amor deve ser recíproco e a felicidade depende também da pessoa que ficou por traze-la a nós.


Estou devendo tanta coisa aqui no blog. Enfim, não me cobrem por favor e também não esqueci de vocês meus seguidores fiéis. Vou responder os comentários assim que der, prometo. Hoje estou feliz, o porquê, um dia falo aqui. Beijos, se cuidem e não assistam BBB10. Parti \õ

16 comentários:

Bel disse...

Amor e razão!!
Tem que ter os dois né?

Abraços!

Jana Barreto disse...

a maioria das vezes, em se tratando de amor, a gente se joga sem pensar. arrependimento e lamentação não servem pra nada. o passado tá lá atrás, o que passou, passou. é aceitar se guir em frente, levando em conta o passado como lição. :)

Ana Cristina Cattete Quevedo disse...

Amor é troca, sempre.
Ser via de mão única não dá rsrs

Beijo!

(adoro BBB KKK)

TeXucoO disse...

Ta ai uma coisa que sufoca muita gente. eu pra ser sincera não sigo nenhum, só deixo acontecer e pronto. Se tenho que tomar uma decisão, olho pra dentro de mim, beeemm lá dentro e vejo o que seria melhor, e então ouço músicas depressivas e começo me torturar psicológicamente e...fim!
sauhsauhusha

Obs.: Eu não assisto o BBB, acho perda de tempo u.u

beijos

Thaíse L. disse...

Amor e razão nunca andou juntos no meu ser, acho que é meio impossivel eles andarem juntos por isso prefiro o amor, a razão é muito complicada!!
Adorei o blog, vou seguir!
Obrigada pela visita e volte sempre!!
Bjus

Erica Ferro disse...

Esse negócio de amor solitário é deprimente, mas sempre nos faz crescer.

Beijo.

Jana Barreto disse...

o amor é sempre um risco, mas se uma das 'partes' não tem mais brilho no olhar, não adianta insistir.

sobre a carta, eu só escrevi daquela maneira porque eu sei que um menino, rapaz, hommem pode sim escrever daquela maneira, seu quiser. já recebi uma. as vezes são só palavras e as vezes são sentimentos. :)

Beijos.

Nana disse...

estou aqui retribuindo a visita e fuxicando tudooo!!!hahah...
bjo
fica com Deus!!!


estou te seguindo!!

Nana disse...

OLá...estes textos sao de sua autoria?
sao muito bons!!!

Mone Laudelino disse...

Ei q bom q estas feliz, quero saber o pq depois.
Bjinhos
MONE

Yasmin F. disse...

Muitooo bom seu textoo!

"Aquilo que plantamos é o que colhemos e nunca faça com a outra pessoa aquilo que você nunca gostaria que a fizessem." Pra mim esses são os dois ditados mais significativos nas nossas vidas!

=*

Mel disse...

Realmente, as vezes somos dominados pelo coração e acabamos fazendo escolhas que nos fazem mal, descobrimos apenas quando a razão volta. E isso pode demorar muito, acabamos sofrendo muito até entendermos que tinha que ser assim. Você escreve muuito bem, muito mesmo! E no fim todos erramos tentando acertar. ^^

Juliane S. Rocha disse...

Se casar é um passo muito importante!
Independente se são jovens ou não, acho que depende da maturidade que cada um terá para lidar com isso.
Infelizmente muitos usam apenas o coração, mas antes disso é necessário um grande planejamento, para que um sonho não vire um pesadelo como disse.
Beijos...
Tenha uma ótima semana!

Ang disse...

Essa é a primeira vez que venho ao seu blog e estou chocada.
Você se entende muito bem com as palavras...
E sobre o post de hoje... Sempre temos que ter pelo menos um pouco de malicia em relação ao outro, como modo de defesa...
Bjos

Clara (Doce HIsteria) disse...

"Nunca fazer a seu próximo que não quiser pra você mesmo" é uma lei na minha vida... Acho que entre erros e acertos, o script da nossa vida só pode ser escrito por nós mesmos. É isso que chamam de livre arbítrio... O negócio é arcar com as consequências depois, neh? ^^

Gêsa disse...

Mas nunca saberíamos se algo daria ou não errado, se não tivéssemos tentando. A vida mesmo assim, e é melhor ser um tolo por errar que um covarde por não tentar.